Conheça

Somos uma instituição de ensino que, há mais de duas décadas, é comprometida com um projeto de educação que integra o indivíduo no seu contexto cultural. A filosofia que nos fundamenta concebe a Educação numa perspectiva mais humanizada, pois o aprimoramento intelectual leva o indivíduo ao conhecimento da realidade e o faz perceber que ela pode ser organizada de forma clara, coerente e original, fruto do trabalho.

 

O projeto pedagógico do Colégio João Paulo I oferece uma formação escolar que se caracteriza pela intencionalidade, sistematização e organização de conteúdos de ensino, de forma a preparar os estudantes para a apreensão do conhecimento, a responsabilidade, a liberdade, o trabalho, a solidariedade e a cidadania. Os valores do bom relacionamento e da empatia, bem como da disciplina, da autonomia e da organização, e o compromisso com a sustentabilidade permeiam os projetos desenvolvidos em todos os níveis de ensino.

 

O currículo escolar visa a garantia da universalização do saber e sua socialização, buscando, por meio das práticas pedagógicas qualificadas, resultados efetivos, que garantam a formação humana na sua integralidade e garantindo o fim maior da educação: o pleno desenvolvimento da pessoa, seu preparo para o exercício da cidadania e sua qualificação para o trabalho.
Venha fazer a sua história no João Paulo I

História

O Colégio João Paulo I, desde sua fundação, destacou-se como escola comprometida em estabelecer um nexo entre educação, trabalho e afeto. Seu projeto pedagógico articula-se no sentido de propiciar conhecimentos necessários à compreensão do homem em todas as suas dimensões e pretende a formação global do educando. Ciências humanas, ciências exatas, tecnologia e arte convivem dando conta de um ensino ativo, contemporâneo, que prestigia a memória, reconhece a tradição e incorpora a modernidade. O João Paulo I tem como objetivo formar um aluno crítico e reflexivo, valorizador do conhecimento e interessado na construção de uma sociedade mais justa e humana.

Proposta Pedagógica

Numa perspectiva sociocultural, para o Colégio João Paulo I, educar é integrar o indivíduo no seu contexto cultural, por meio da transmissão dos modos de fazer e simbolizar a sociedade à qual pertence, podendo com ela interagir.

 

A filosofia que nos fundamenta concebe a Educação numa perspectiva humanizadora, pois o aprimoramento intelectual leva o indivíduo ao conhecimento da realidade e o faz perceber, mediante uma consciência crítica, que essa mesma realidade pode ser organizada de forma clara, coerente e original, fruto do trabalho.

 

O processo educacional é eminentemente dinâmico, posto que a formação e a elaboração da cultura e do conhecimento, adquirido por meio das informações, está em contínua transformação. Visto que as mudanças processam-se de forma acelerada, essa transmissão deve ter um caráter inovador, promovendo não apenas uma adaptação do indivíduo às modificações, mas também levando-o a tornar-se um elemento interferidor e propulsor da própria cultura.

 

Para isso, é necessário, segundo Paulo Freire, que o estudante evolua do estágio da consciência mágica para o da consciência crítica. Esta caracteriza-se pela sua profundidade de interpretação do real, pela prática do diálogo, pelas revisões contínuas de posições, pela participação no processo histórico, pela reflexão racional, pelo desejo de edificação, pela autodescoberta e pelo reconhecimento do trabalho como transformador da realidade.

 

A escola, a partir dessa concepção filosófica, é um espaço social onde o construir da educação do indivíduo não pode perder de vista as ansiedades e os conflitos inerentes à própria transformação física e psicológica por que ele está passando. No entanto, não deve prescindir de objetivos claros no momento da transmissão de conhecimentos necessários ao aprimoramento intelectual.

 

Assim sendo, o projeto pedagógico do Colégio João Paulo está comprometido com uma formação escolar que se caracteriza pela intencionalidade, sistematização e organização de conteúdos de ensino, de forma a preparar o educando para a apreensão do conhecimento, a responsabilidade, a liberdade, o trabalho, a solidariedade e a cidadania. O currículo terá em vista a garantia da universalização do saber e de sua socialização, elevando o nível de compreensão por parte do alunado, e a do fim maior da educação: o pleno desenvolvimento da pessoa, seu preparo para o exercício da cidadania e sua qualificação para o trabalho.

Bem mais que conteúdo

Aqui no Higi, mais que conteúdo, ensinamos valores. A cooperação, a solidariedade e a cidadania andam juntos na construção de conhecimento que proporcionamos aos nossos alunos. É por isso que, ao longo do ano, diversas atividades buscam incentivar a integração entre alunos, professores, familiares e comunidade escolar.

Localização Privilegiada

O Colégio João Paulo I – Higienópolis localiza-se em um bairro residencial, porém próximo a importantes vias da capital, facilitando o acesso e a locomoção à escola. Por ser uma área residencial, as duas entradas dos estudantes ficam em ruas com baixa circulação de veículos, o que facilita o tráfego escolar e confere maior segurança aos alunos. 

A estrutura que seu filho precisa

As salas de aula são modernas e equipadas para garantir o bem-estar dos alunos e a qualidade no processo de ensino. Todas são climatizadas e com estrutura multimídia, dispondo de projetor, som e acesso à internet. As salas do Ensino Médio são temáticas, para diversificar os espaços da escola e para incrementar o ambiente. A escola também dispõe de sala ambiente, com computadores, tablets e lousa digital para enriquecer as aulas. Além disso, disponibiliza computadores para pesquisa, para que os alunos possam trabalhar fora do horário de aula. Para as aulas de Educação Física e também intervalos, a área externa do Colégio disponibiliza, aos alunos, um amplo pátio, uma pracinha e um ginásio.

Clique aqui para fazer um tour virtual!

10 motivos para estudar no Higi

1) Transferência escolar: acolhida e suporte pedagógico.

 

A transferência de escola é marcada por grande expectativa e desejo de que as mudanças e as novidades possam ser administradas da melhor forma possível. Desenvolvemos um projeto de acolhida e de integração para os alunos novos, além de oferecer suporte pedagógico em todos os níveis de ensino no turno inverso ao horário de aula, que englobam aulas de reforço e de nivelamento, Auxílio ao Tema, Plantões de Dúvidas e Grupos de Estudo.

 

2) Projetos de SOE voltados para cada etapa do desenvolvimento

 

A escola é um espaço coletivo e de convívio, onde as relações interpessoais estão constantemente sendo trabalhadas em projetos desenvolvidos pelo Setor de Psicologia, que procura investir nas habilidades socioemocionais e trabalhar valores como empatia, solidariedade e cidadania. As propostas estão articuladas com o desenvolvimento psicossocial dos estudantes, buscando oportunizar vivências de ajustamento pessoal, que promovam uma consciência crítica das relações de respeito mútuo e de autorregulação. Dos bons vínculos e do espaço saudável de convivência com os pares é que poderão ampliar suas relações em outros níveis.

 

3) Valorização da leitura

 

Um importante eixo de trabalho da escola é a formação de leitores competentes. Valoriza-se a leitura desde a Educação Infantil e a Hora do Conto constitui-se no momento formal no qual as turmas dirigem-se à Biblioteca para ouvir histórias. A partir do Ensino Fundamental, quando ocorre o processo de letramento e de alfabetização, a leitura adquire importância ainda maior com a adoção de títulos obrigatórios. Nos anos finais do Ensino Fundamental, esse projeto torna-se mais robusto, já que há um aumento nos títulos que são exigidos. Os livros escolhidos incluem autores clássicos e obras renomadas da literatura regional, nacional e internacional, pois os alunos também leem títulos em Língua Inglesa. No Ensino Médio, o repertório torna-se ainda maior, incluindo as leituras obrigatórias do vestibular da UFRGS.

 

4) Projetos Culturais

 

A escola complementa sua matriz curricular com projetos culturais, de caráter interdisciplinar. Teatro, Radionovela, Projeto Rock, Sarau Literário, Cinema no Higi e Aulão de História possibilitam aos alunos desenvolverem potencial de comunicação interpessoal e pró-atividade. De forma leve e crítica, os alunos ampliam sua visão de mundo e aprendem sobre planejamento, responsabilidade e divisão de tarefas. E, muitas vezes, revelam-se grandes talentos.

 

5) Mostra Científica

 

A Mostra Científica visa a propiciar aos alunos um amplo espaço para investigação e para a produção de conhecimento, numa perspectiva interdisciplinar, respeitando-se as etapas pertinentes às técnicas de pesquisa científica. Destaca-se entre os objetivos da Mostra possibilitar aos alunos o domínio de noções básicas relativas às técnicas e aos métodos de pesquisa, sob orientação de seus professores; estimular a cooperação e a vivência em equipe por parte dos alunos; oportunizar o aprendizado da elaboração de um relatório científico, bem como a apresentação final do trabalho perante a comunidade escolar.

 

6) Formação continuada dos professores

 

Além de uma equipe docente qualificada, o Colégio João Paulo I investe na formação continuada dos professores, pois entende que eles são protagonistas no processo de ensino e de aprendizagem e que educam pelo exemplo. Para desenvolverem seu trabalho em sala de aula, precisam de um planejamento bem estruturado, alinhado com a matriz curricular do seu nível de ensino. Nos seminários de formação docente, buscamos a excelência desse projeto de ensino, pois os educadores podem esquematizar o seu trabalho, atualizarem-se, repensarem suas práticas didático metodológicas e refletirem sobre o ofício de educador.

 

7) Saídas de campo de caráter cultural e pedagógico

 

Para enriquecer sua proposta, a escola oferece saídas de estudo de caráter pedagógico e cultural. Ao vivenciarem experiências fora do ambiente escolar, os alunos conseguem aprofundar os conteúdos, valorizar a cultura e ampliar suas perspectivas do mundo. Levamos as turmas aos museus, às exposições de arte e Bienais, para assistirem a orquestras e a peças de teatro, visitarem comunidades locais a fim de conhecerem diferentes hábitos e estilos de vida, fazerem viagens regionais, nacionais e, até internacionais. Os alunos do Ensino Médio têm a possibilidade de fazer um intercâmbio para o Canadá e uma imersão na língua inglesa, em função da parceria da escola com o Columbia International College.

 

8) Ensino tradicional aliado a metodologias inovadoras

 

Nossa proposta de ensino alia o ensino tradicional, com desenvolvimento do conteúdo formal, às práticas pedagógicas mais modernas e dinâmicas. Nossa matriz curricular é embasada nas leis educacionais vigentes e está sendo adaptada à reforma do ensino prevista pela Base Nacional Comum Curricular (BNCC). Temos no livro didático, importante ferramenta de trabalho, ao mesmo tempo que utilizamos material suplementar e uma plataforma virtual, com vídeo-aulas e tarefas on line. No Ensino Médio, para facilitar o processo de amadurecimento cognitivo e de autonomia, utiliza-se a metodologia Flipped Classroom (Aula Invertida), processo que auxilia pedagogicamente, visto que estimula a aquisição de conhecimento prévio por parte dos alunos acerca dos conteúdos que serão abordados em aula.

 

9) Método inovador de memorização para estudantes

 

Os alunos do Ensino Médio têm a oportunidade de fazer um treinamento de memória operacional por meio de exercícios cognitivos. Tal metodologia foi desenvolvida por neurocientistas com o objetivo de melhorar a capacidade de concentração e de foco, controlar os impulsos e diminuir os déficits de atenção. Como consequência, espera-se que os educandos possam melhorar seus desempenhos escolares, especialmente na interpretação de textos, no desenvolvimento de raciocínio lógico-matemático e no processamento de informações.

 

10) Foco no desempenho escolar e formação humana

 

A escola valoriza a formação do estudante na sua integralidade e acredita que o conhecimento é um elemento determinante para o sucesso pessoal e profissional. Nossa missão é ensinar para formar cidadãos competentes, que aliem conhecimento à prática e que, como indivíduos, pautem suas ações pela ética e pelo respeito. Sem abrir mão dessa perspectiva humanista, sabemos que o mundo do trabalho exige profissionais igualmente competentes, que possam dar conta das demandas operacionais e possam solucionar os problemas com inteligência socioemocional. Ao longo da vida escolar, preparamos os alunos para alguns dos desafios que eles enfrentarão, acreditando que, se criarem hábito e rotina de estudos, aperfeiçoarem estratégias para melhorarem seus desempenhos escolares e desenvolverem habilidades para conquistarem aprovações em concursos, ENEM e provas de vestibular, terão condições de dar prosseguimento à sua formação.

Interessado em saber mais sobre o JP?

Deixe seus dados no formulário abaixo que entramos em contato com você!

Mensagem enviada!

Em breve retornaremos
seu contato

Aguarde...